Intercâmbio no cenário do filme O Senhor dos Anéis

A Nova Zelândia já é um dos principais países procurados para intercâmbio cultural. A língua inglesa, o clima e as maravilhas da natureza são grandes atrativos para jovens e adultos de todo o mundo. A qualidade de vida e a civilidade do povo neozelandês se somam às demais características para atrair turistas e estudantes. Já não bastasse tudo isso, a Nova Zelândia ganhou mais um grande incentivo na sua promoção. Após se tornar o cenário do filme O Senhor dos Anéis, o país passou a ser atração de fãs da saga escrita por J. R. R. Tolkien. Esta trilogia está entre as maiores bilheterias do cinema de todos os tempos. A quantidade de livros vendidos torna esta obra a mais comercializada da história.

Cenário do filme O Senhor dos Anéis

Foram mais de 150 milhões de unidades impressas e os números ultrapassaram a casa de 1.19 bilhão de dólares de arrecadação nos cinemas. Essas cifras demonstram a força deste que é o segundo filme de maior renda na história, perdendo apenas para Titanic.

A escolha do cenário do filme O Senhor dos Anéis

Filmagens no cenário do filme O Senhor dos Anéis

A escolha do cenário do filme O Senhor dos Anéis foi do próprio diretor do filme, Sir Peter Jackson. Morando na cidade de Wellington, obviamente deixou sua sensibilidade e preferência falar alto na seleção do local. Mas para quem conhece a Nova Zelândia e assistiu à trilogia é fácil concluir que todo o país é a Terra Média. A diversidade de paisagens formadas desde montanhas geladas à campinas verdejantes torna toda a região propícia para uma longa metragem.

Hobbiton

Hobbiton e o cenário do filme O Senhor dos Anéis

O filme construiu duas vezes o cenário de Hobbiton. Esta que foi imaginada como uma pacata região da Terra Média! Hobbiton havia sido construída e depois abandonada no primeiro dos três filmes. Mas o sucesso levou a ser reconstruída de forma definitiva. A cidade de Matamata se tornou, além de uma pacata área de produção leiteira, também um ponto turístico do país. Para os amantes das histórias de Frodo, conhecer Hobbiton é reviver todas as lembranças.

Outros cenários do filme

Nova Zelândia e o cenário do Filme O Senhor dos Anéis

Foram várias as regiões da Nova Zelândia que serviram como cenário do filme O Senhor dos Anéis. Isengard fica na região do Parque Nacional de Mount Aspiring. Lá vivia o mago Saruman, no filme As Duas Torres. Outro local que ficou famoso foi o Parque Nacional Tongariro. A região que possui dois vulcões ativos, montanhas nevadas e uma mistura linda de cores e natureza, foi escolhida como a Mordor. Foi nela que Frodo e Sam se aventuraram na travessia até a Montanha da Perdição.

Toda Nova Zelândia foi explorada para construir a fictícia Terra Média. O Rio Anduim é na verdade conhecido por Waiau, e fica próximo à cidade de Wellington. Nesta região também encontra-se o abismo de Helm e as Minas Tirith.

Intercâmbio no cenário do filme O Senhor dos Anéis

Cenário do filme O Senhor dos Anéis

A trilogia construída por Tokien parece  inspirada na própria Nova Zelândia. A Terra Média do filme é inseparável das imagens do país. Para aqueles que escolhem fazer intercâmbio lá, se torna uma ótima opção de passeio, conhecer cenários do filme O Senhor dos Anéis. Será uma grande oportunidade unir a experiência de um intercâmbio cultural e a paixão dos fãs deste que se tornou um dos maiores sucessos do cinema. Conheça os programas que a Optima oferece na Nova Zelândia! Você vai se apaixonar por este país e suas maravilhas naturais!

Underwater World em Auckland

Estudar inglês na Nova Zelândia é conhecer novas culturas vivendo no dia-a-dia tudo que Auckland tem para oferecer.  Considerada uma das melhores cidades do mundo para se viver Auckland é uma incrível e animada conhecida por suas bela costa, vida marinha e pelo seu fantástico porto então não é de se espantar que um dos aquários mais completos e interessantes do país fica justamente no coração da cidade.

auckland_estudar-ingles-novazelandia-intercambio-exterior_underwaterworld
(foto)

O Kelly Tarlton’s Underwater World  foi aberto em 1985 e é um aquário único porque mostra a vida marinha dos diferentes oceanos que englobam a Nova Zelândia. Kelly Tarlton foi um explorador, mergulhador e inventor que inspirou o nome desta atração incrível para que outras pessoas pudessem compartilhar do mesmo amor pelo mar que ele tinha.

O Underwater World foi o primeiro aquário do mundo a ter um túnel de acrílico, de 110 metros com esteira rolante, que permite que o visitante passe e contemple a vida marinha pelo meio dos tanques. É uma atração imperdível para quem aprecia o mundo também debaixo d’água! O espaço oferece aquários com cavernas marinhas, corais e mais de 1.800 espécies, ou seja, é um prato cheio para os olhos e para o conhecimento.

Dentro do Underwater World é possível explorar as mais variadas formas de vida como por exemplo conhecer variedades de pingüins do sub-ártico na área Antarctic Ice Adventure ou então ver de perto raias gigantes na enorme Stingray Bay, admirar peixes dos mais variados tamanhos e cores tanto na Fish Gallery como no Seahouse Kingdom, e claro, conferir os tubarões na Pacific Shark Zone. Os mais corajosos podem até mergulhar com eles!

Aprender inglês em Auckland e conhecer os diferentes atrativos da Cidade das Velas como Underwater World, é uma oportunidade incrível que a Optima Intercâmbio oferece para quem busca uma experiência de vida no exterior completa e com apoio de uma equipe especializada.

Praia de Piha em Auckland

Auckland é a quarta melhor cidade do mundo para se viver. Ela é cheia de atrações, atividades e cenários maravilhosos atraindo estudantes de todo o mundo que querem apreciar uma excelente qualidade de vida e ter contato com a natureza. Cercada por praias incríveis, Auckland é também o destino de inúmeros turistas e surfistas que estão em busca de uma experiência inesquecível.

auckland-estudar-ingles-novazelandoa-intercambio-exterior-praiapiha
(foto)

Uma das praias mais famosas de Auckland é a Praia de Piha, localizada à costa oeste da North Island, aproximadamente a 40 km do centro da cidade, com sua bela e inesquecível areia negra e ondas de tirarem o fôlego, literalmente.

Descoberta por volta de 1930, a Praia de Piha foi um dos primeiros lugares onde o surf foi experimentado em Auckland e por ter fortes ondas, resultado do posicionamento privilegiado, a praia é considerada uma das mais agitadas da Nova Zelândia.

Aprender inglês na Nova Zelândia é garantia de agitação e contato com outras culturas, por isto um passeio pela Praia de Piha é diversão garantida. Seja para curtir o visual incrível, para se banhar ou então as ondas surfando.

Como a Piha é muito conhecida ela é equipada com vestiários e sanitários públicos, além de contar com um quiosque de alimentos e sorvete e também com a atenção dos salvas-vidas do Piha Surf Club. Entre já em contato com a Optima Intercâmbio para saber como você pode aprender inglês em Auckland e aproveitar todas as oportunidades para explorar este país incrível que é a Nova Zelândia.

Goat Island em Auckland, Nova Zelândia

Estudar no exterior é descobrir o mundo através de uma experiência sem igual, por isto que a Optima Intercâmbio oferece pacotes de estudo na cidade de Auckland, na Nova Zelândia, onde você pode aprender e desenvolver suas habilidades com o inglês ao mesmo tempo que conhece as belezas e atrações deste país incrível.

Auckland é única, cheia de atividades e com uma qualidade de vida impressionante, afinal de contas, ela é a 4a melhor cidade para se viver no mundo. Uma das mais belas atrações que pode ser aproveitada por quem escolhe estudar inglês em Auckland é a pequena ilha de Goat Island, localizada às margens da cidade pesqueira de Leigh.

novazelandia_intercambio_exterior_aucklanda_estudar_ingles_goatisland_01
(foto)

A Goat Island é especial porque é também uma reserva marinha científica, que oferece informações sobre a vida marinha local. A universidade de maior reputação no país, a Universidade de Auckland, tem até mesmo um laboratório e centro de pesquisas na própria ilha que funciona como a base para o Centro de Ciência Marinha do Pacífico Sul.

A Reserva Marinha de Goat Island é a primeira do tipo em toda a Nova Zelândia e é ideal para a visitação por conta das condições climáticas de Auckland, que são perfeitas para este tipo de passeio. Além do mais as águas que rodeiam a Goat Island oferecem um universo totalmente colorido que merece ser desbravado, seja dentro da água, através de snorkel ou mergulho ou então fora dela, pelos passeios de escuna que tem o chão transparente e permitem apreciar a vida marinha local sem que você se molhe.

(foto)
(foto)

Além de extrema importância para a preservação da natureza a Goat Island tem também um forte significado espiritual para a tribo indígena local Maori, pois a ilha fica localizada nas proximidades do local onde o ancestral Moe Karaka se aportou, ou seja, há muito que se conhecer e explorar nesta pequena ilha encantadora ao norte da cidade de Auckland.

Entre já em contato com a nossa equipe especializada para saber como você pode aproveitar seus estudos de inglês na Nova Zelândia e tornar seu intercâmbio ainda mais especial.  Oferecemos instituições de ensino da mais alta qualidade onde você poderá reunir seus amigos e se organizarem para conhecer a imperdível e encantadora ilha de Goat Island.

 

Festival Pasifika na Nova Zelândia

Intercambistas que vão conhecer e estudar em Auckland não podem perder a oportunidade de conhecer de perto a cultura local em um dos festivais mais importantes do país, o Pasifika Festival.

auckland_estudar-ingles-novazelandia-intercambio-exterior_festival_pasifika
(foto)

o Pasifika Festival é a maior celebração das ilhas do Oceano Pacífico e atrai dezenas de milhares de locais e estrangeiros. Reconhecido como o evento artístico de maior importância em Auckland o Pasifika Festival oferece cultura, música e uma enorme variedade de comidas típicas.

Originalmente o evento foi criado em 1992 pela prefeitura de Auckland e pela Associação de Desenvolvimento das Nações das Ilhas do Pacífico Sul e desde então acontece anualmente no Western Springs Park celebrando a herança cultural e influência destas nações presentes em Auckland. Sua popularidade se tornou tão grande que ele será celebrado de 2013 (comemoração de 21 anos do festival) por dois dias.

É uma oportunidade incrível para o estudante de inglês na Nova Zelândia conhecer o Pasifika Festival e ter contato com as centenas de tendas com uma ampla oferta de alimentos, diferentes tipos de artesanato, tatuagens, esculturas, técnicas artísticas locais e tecelagem, cada qual pertencente a uma das nações das ilhas do Oceano Pacífico incluindo Ilhas Cook, Fiji, Kiribati, Niue, Samoa, Taiti, Tonga, Toquelau, Tuvalu e Aoteoroa.

Participar do Pasifika Festival é explorar os mercados, apreciar as apresentações que acontecem nos 10 palcos do evento, e viver em primeira mão a cultura nativa local. Há também um programa que celebra a presença das famílias e comunidades através de atividades e performances culturais com um mix de artistas conhecidos, emergentes, tradicionais e modernos.

Uma das partes mais interessantes do Pasifika Festival é que a entrada é gratuita e todo o dinheiro arrecadado com vendas durante as  celebrações será doado para a fundação “Make a Wish” da Nova Zelândia, que dá apoio e ajuda crianças com doenças potencialmente fatais.

Nós da Optima Intercâmbio queremos que nossos clientes aproveitem ao máximo a experiência de intercâmbio em Auckland por isto recomendamos que você conheça e participe do maior festival do mundo das Ilhas do Pacífico. Entre já em contato conosco e saiba como você pode presenciar de perto este festival tão especial na Nova Zelândia.

 

Praia de Karekare em Auckland

Conhecida por sua areia escura e belas formações rochosas, a praia de Karekare é uma das atrações naturais mais bonitas da Nova Zelândia.

Localizada há 35 Km do centro de Auckland, em Waitakere Ranges, Karekare é famosa por suas ondas, ideais para a prática do surf, e também funciona como ponto de encontro durante o verão quando locais aproveitam o calor para se refrescar na praia.

(foto)

Estudantes que gostam de caminhadas vão achar a trilha Pohutukawa Glade Walk uma ótima opção e para quem realmente curte a natureza basta apenas andar por alguns minutos para chegar na Karekare Falls, um lindo conjunto que cascatas que desemboca na praia. Em Karekare há também uma caverna chamada Cave Rock, que pode ser escalada, oferecendo uma vista incrível do vale e do mar.

Apesar de ter ganhado fama por ser o cenário principal do filme “O Piano” de Jane Campion, a praia de Karekare é protegida pelos moradores locais e é uma área preservada que oferece a natureza neo-zelandesa de forma mais pura.

Anualmente Karekare promove um evento chamado Karekare Races com corridas de cavalo, atividades para famílias, crianças, barracas com comidas e passeios pela praia. Todo dinheiro arrecadado durante as Karekare Races é voltado para a área e seus organizadores, a escola de Karekare, o Surf Club e grupos ambientalistas.

Karekare é um passeio diferente para o estudante que quer conhecer mais a Nova Zelândia e aproveitar a experiência de estudar inglês em Auckland através da imersão completa na cultura local.

A Optima Intercâmbio estimula seus clientes a conhecer mais cultura local mostrando as diversas opções de passeios que podem ser feito durante o seu intercâmbio, como a praia de Karekare. Saiba mais sobre como estudar inglês em Auckland e conhecer a cultura neo-zelandesa entrando em contato com a equipe especializada Optima Intercâmbio.

Vulcões de Auckland na Nova Zelândia

Além de um visual espetacular a Nova Zelândia oferece atividades para todos os tipos de estudantes que querem aprender inglês no exterior. Auckland, a quarta melhor cidade do mundo para se viver, é um dos destinos mais especiais de todo o país por inúmeras razões, dentre elas os incríveis vulcões.

A paisagem incrível de Auckland é como um cenário de filme: pastos verdes mesclados com vulcões, alguns inclusive que podem ser conhecidos de perto, já que são dormentes.

Vista de Auckland de uma das crateras do vulcão Mount Eden (foto)

O vulcão mais conhecido em Auckland é o Rangitoto, um dos vulcões mais novos do país. Com apenas 600 anos de idade, Rangitoto é rodeado por fauna e flora específica garantindo um passeio inesquecível.

Outro vulcão importante é o One Tree Hill, o maior e mais importante vulcão de Auckland por ter apenas um pinheiro em seu topo. Cercado por jardins e áreas verdes o One Tree Hill é um passeio imperdível até mesmo porque a maior colônia Maori de toda a Nova Zelândia vive nas redondezas dele.

Para quem quer conhecer um vulcão mais antigo, o Mount Eden é a pedida certa. Com 196 metros de altura e mais de 20 mil anos de idade, o Mount Eden é o maior vulcão de Auckland. Suas três crateras são uma atração a parte, encantando seus visitantes e proporcionando uma das vistas mais incríveis da cidade.

Há algumas empresas que fornecem serviços com passeios guiados pelos vulcões de Auckland, mas é também possível conhecê-los de forma independente, já que eles pertencem à parques e reservas florestais.

A experiência de viver a cultura neo-zelandesas de perto e aprender inglês ao mesmo tempo é uma das grandes vantagens de estudar em Auckland. Entre já em contato com a equipe especializada Optima Intercâmbio e saiba como você pode estudar inglês na Nova Zelândia.

As 5 melhores atrações de Auckland

Estudar na Nova Zelândia é uma oportunidade incrível para desenvolver seus conhecimentos em um novo idioma e aproveitar as maravilhosas atrações que este país oferece. Auckland tem praias lindíssimas, clima ameno e uma grande variedade de atrações. A Optima Intercâmbio selecionou as 5 melhores atrações da cidade que também é chamada de “Cidade das Velas”.

(foto)

1) Ilha vulcânica de Rangitoto
Auckland tem mais de 48 vulcões que oferecem vistas e passeios incríveis. O mais famoso deles é a ilha vulcânica de Rangitoto, localizada na costa da cidade. Com apenas 600 anos, Rangitoto é o vulcão mais novo de Auckland e passear por ele é uma experiência incrível, já que se pode apreciar mais de 200 espécies de árvores nativas e uma ampla variedade flores, em especial orquídeas. Um passeio incrível para curtir a natureza local e aproveitar o clima neo-zelandês.

2) Skywalk e SkyJump
Nova Zelândia é um país conhecido pelos esportes radicais e como já falamos em outro post, uma das atrações especiais de Auckland é o Skywalk, um passeio guiado nas bordas da cúpula da famosa SkyTower. Para os visitantes mais aventureiros há a opção de fazer o SkyJump, um salto a cabo feito também do topo da torre que chega até 85 kilômetros por hora em apenas 11 segundos. Ufa!

3) Praia de Piha
A praia de Piha é uma das mais famosas dentro da área de Waitakere Ranges. Suas ondas selvagens atraem surfistas de todas as partes que buscam diversão e um bom desafio. Durante o verão Piha atrai também muitos banhistas. A praia de Piha é um excelente destino para piquenique e passeios já que a bela cachoeira de Kitekite fica em suas proximidades.

4) Auckland Museum
O museu de Auckland é uma das atrações mais fascinantes do país. Totalmente reformado e moderno o museu de Auckland apresenta toda a história e cultura da Nova Zelândia e abriga a maior coleção de artefatos maori e polinésios do mundo. O primeiro piso tem exposições sobre os povos locais, o segundo piso fala sobre a terra e o país, enquanto o terceiro piso funciona como um memorial de guerra. Localizado em no topo de um vulcão dormente, o museu é cercado por parques e jardins e só pela localização é um passeio imperdível.

5) Passeio de veleiro
Para se conhecer a fundo a “Cidade das Velas” é preciso fazer um passeio de veleiro. Auckland oferece uma variedade enorme de passeios em veleiros, desde um jantar especial, passeios de 1 dia até mesmo acompanhar de perto uma das mais antigas e prestigiadas regatas do mundo, The America’s Cup. Um passeio pela costa de Auckland a bordo de um iate é uma experiência encantadora e inesquecível!

A equipe Optima Intercâmbio está pronta para orientá-lo e ajudá-lo a organizar o seu intercâmbio em Auckland na Nova Zelândia. Para mais informações, entre já em contato conosco.

Skywalk em Auckland – Nova Zelândia

Você já pensou como pode ser observar todo o cenário lado de fora da torre mais alta do hemisfério sul? O intercambista que deseja estudar na Nova Zelândia pode aproveitar seus estudos em Auckland para conhecer uma das atrações mais emocionantes do mundo.

(foto)

A chamada Skywalk é uma caminhada guiada nas bordas da cúpula da internacionalmente famosa SkyTower. O passeio é carregado de adrenalina e dura aproximadamente 30 minutos, tempo suficiente para apreciar as informações e a incrível paisagem de Auckland, incluindo os milhares de veleiros no porto da cidade.

A Skywalk é uma experiência que todo intercambista aventureiro deve ter já que a sensação de estar do lado de fora da torre aguça ainda mais os sentidos!A passarela para caminhada tem um pouco mais de 1 metro de largura e fica há 192 metros do chão (sem corrimão de apoio), mas pode ficar tranquilo que todos participantes usam equipamentos de segurança.

(foto)

Os mais corajosos podem ter uma experiência ainda mais emocionante e pular lá de cima pelo Skyjump – uma queda com apoio de um cabo que dura 11 segundos e alcança 85 km/h. Um dos atrativos do SkyJump é a aterrisagem suave, regulada pelo cabo.

Uma atração diferente na qual você se tornará também parte do cenário daqueles que visitam Auckland e a SkyTower.

A Optima Intercâmbio tem experiência no exterior e acredita que é importante conhecer seu destino durante o intercâmbio cultural. Para mais informações sobre estudar na Nova Zelândia entre em contato com a nossa equipe.

Parnell Village em Auckland – Nova Zelândia

Parnell Village é um dos bairros mais badalados de Auckland, na Nova Zelândia.

Sua localização fica entre o famoso porto de Auckland e o Domain, o bairro mais antigo da cidade. A área de Parnell foi estabelecida originalmente em 1841 e foi a área de maior predomínio da Igreja da Inglaterra no país e portanto foram fundadas a St Barnabas Church, a St Stephen’s School, a Church Grammar School, a St Stephen’s Chapel, a St Mary’s church, a biblioteca da Cathedral library e a torre na St Stephens Avenue.

Por ter influências européias a área também desenvolveu fortes aspectos comerciais e industriais que permitiram o desenvolvimento das linhas ferroviárias e do porto. A área também foi abandonada por muito tempo e somente durante os anos 70, um comerciante local chamado Les Harvey tomou em mãos o projeto para revitalizar a área e torná-la um ponto turístico e área residencial atraente .

Hoje Parnell Village é conhecida por ter inúmeras galerias, mais de 40 restaurantes, cafés, bares e lojas únicas e funciona como um centro comercial e criativo mostrando um lado interessante e único da cidade.

Além da badalação a área de Parnell também oferece parques, incluindo o famoso Parnell Rose Gardens, e prédios históricos como a Holy Trinity Cathedral.

Parnell Village é uma área de fácil acesso há apenas 10 minutos de ônibus do centro de Auckland e funciona de segunda a domingo recebendo de braços abertos tanto os locais como visitantes de todas as partes do mundo.

(fotos)