Museus de Capitoline em Roma

Roma é uma das poucas cidades do mundo que ainda preserva toda sua história em seus monumentos e ruas, mostrando de perto como era a vida na antiguidade Este é um grande diferencial para aprender italiano em Roma, pois o estudante que quer aprender italiano na Itália pode praticar e viver o idioma nas experiências do cotidiano.

Uma das atrações em Roma que permitem praticar o conhecimento de história e língua são os Museus de Capitoline, os primeiros museus abertos ao público no mundo quando foram fundados pelo papa Clemente XII em 1734.

Localizados de frente um ao outro, os museus de Capitoline ficam na piazza del Campidoglio e abrigam os incríveis trabalhos de artistas como Bernini, Michelangelo, Titian, Veronese e Caravaggio, sendo dos museus mais interessantes sobre a história e arte de Roma.

Os museus de Capitoline são divididos em diferentes áreas e o prédio principal, o Palazzo dei Conservatori, é o maior e contém obras como La Lupa de 5 a.C., a estátua eqüestre original de Marcus Aurelius e fragmentos de uma estátua de Constantino. Há também exemplos de tapeçaria, cerâmica, jóias e moedas que explicam toda a evolução de uma nação ao longo dos tempos. Do mesmo modo, o Palazzo Nuovo, o prédio menor, contém sarcófagos, mosaicos, estátuas e outros inúmeros artefatos muito interessantes.

O espaço Galleria Lapidaria é uma passagem que leva até outro espaço, o Fórum Romano. Nesta passagem há o conhecido Tabularium, onde há fragmentos e fundações de duas residências romanas da antiguidade, mostrando em detalhe como era a vida na época.

Aproveite o intercâmbio em Roma para conhecer a cultura e história italianas através de um passeio pelos Museus de Capitoline, um passeio imperdível recomendado pela Optima Intercâmbio para quem quer aprender italiano na capital da Itália. Entre já em contato com a nossa equipe especializada e saiba mais.

Orçamento Fácil
Empresa Brasileira CNPJ 12.350.272/0001-09