Estude medicina na Argentina

5 min de leitura
Compartilhe: Facebook Whatsapp Twiter Linkedin

Uma vaga para graduação em Medicina é uma obsessão para milhares de brasileiros. Todos os anos vemos a enorme concorrência que se forma em busca de uma dessas vagas nas universidades do país. Sejam elas públicas ou particulares, o nível de disputa parece só aumentar a cada processo seletivo. Também é possível, a cada ano, perceber um aumento no número de jovens que saem do Brasil em busca de cursar medicina na Argentina. Algumas características tornam essa opção extremamente atrativa…

 

Universidade gratuita

A opção de fazer medicina passa por duas dificuldades: passar no vestibular e conseguir pagar para fazer este curso. A primeira depende muito do aluno e por isso, mais fácil de se resolver. Já a segunda… Chega a ser assustador ouvir os valores das mensalidades do curso de medicina pelo Brasil. Fazer medicina na Argentina é uma ótima alternativa, pois a Universidade de Buenos Aires é gratuita para argentinos e estrangeiros. O custo que deverá ser arcado pelo estudante será apenas o de se manter na capital argentina. Outras despesas são inerentes ao curso, mas que não são mensalidades fixas cobradas pela universidade.

Não precisa de vestibular

Diferente do Brasil, para a opção de medicina na Argentina, não há processo seletivo. O que há é o curso básico comum (CBC) exigido para que o estudante possa se matricular nas disciplinas específicas de medicina. Este curso tem duração de um ano acadêmico, com exames no meio e ao final do curso. A aprovação nas disciplinas leva o aluno automaticamente às matérias médicas.

O curso básico comum é composto pelas seguintes áreas do conhecimento: química, introdução à sociedade e ao Estado, introdução ao pensamento científico, matemática, física e introdução à biofísica, biologia e introdução à biologia celular. Claro que o estudante não deve se enganar a ponto de acreditar que esse processo seja fácil. A exigência é alta quanto à dedicação e esforço dos candidatos à medicina.

Qualidade e reconhecimento do diploma

A Argentina tem grande tradição na qualidade de suas universidades. Entre elas, a Universidade de Buenos Aires se destaca sendo uma ótima referência de ensino. O curso de medicina é procurado por jovens de diversas partes do continente americano, bem como de outras partes do globo. Muitas vezes, por falta de orientação, jovens confundem a diferente forma de entrada no curso de medicina com baixa qualidade. Por termos vestibulares de alto nível de dificuldade e grande concorrência, criamos consenso de que por não haver o mesmo formato, na Argentina seria inferior. No entanto, o CBC (curso básico comum) possui um elevadíssimo nível de exigência. E este seria o segredo para a qualidade dos cursos universitários. Os estudantes entram nas disciplinas específicas da graduação com um nível alto e homogêneo entre os aprovados, tornando o aprendizado melhor.

A validação do curso de medicina aqui no Brasil também é uma insegurança para jovens e seus familiares. No entanto, o processo é mais simples que parece, e alcançar essa validação passa pela realização de provas com esse objetivo. Há diversas opções para que o recém formado possa fazer esse processo, dentre eles o Revalida é o mais comum.

Exigência mínima de espanhol para matrícula

Uma outra dúvida de quem deseja fazer medicina na argentina é o não domínio da língua espanhola. No entanto, não há uma exigência mínima para esse quesito. O que há é uma orientação quanto à capacidade de compreensão do espanhol por parte do aluno. O aprendizado se torna mais eficaz quanto mais a linguagem é dominada e compreendida. O aluno pode usar o período entre matrícula e o início das aulas para cursar espanhol em uma instituição parceira da Optima.

Medicina na Argentina é com a Optima

A Optima Intercâmbio, através de uma parceria com uma escola de línguas de Buenos Aires, criou o programa Medicina na Argentina. Você poderá tornar seu sonho uma realidade! Este programa possui assessoria sobre a cidade de Buenos Aires, o sistema universitário e a documentação necessária. Documentação e acompanhamento para o processo de imigração. Documentação e acompanhamento para a matrícula na faculdade. Aulas de espanhol e atividades culturais. Hospedagem temporária e assistência para procura de hospedagem permanente. Serviço de apoio com translado do aeroporto e número de emergência 24 horas.

As inscrições para início em 2018 vão até dia 20 de dezembro de 2017. A data para embarque é no dia 14 de janeiro, e o curso de espanhol no dia 22 de janeiro.

Para maiores informações e inscrições no programa Medicina na Argentina, entre em contato com a Optima agora!

Compartilhe: Facebook Whatsapp Twiter Linkedin
Gostou deste artigo?
Notificação

Assine nossas notificações para se manter atualizado sobre nossas promoções!

2020 © Optima Ltda. CNPJ 12.350.272/0001-09. Empresa brasileira

Políticas de uso

e

Termos de Privacidade
Voltar ao topo