Seguro de saúde internacional

Os seguros saúde internacional são indispensáveis para quem vai fazer intercâmbio. Saiba tudo sobre eles e como contratá-los.

7 min de leitura
Compartilhe: Facebook Whatsapp Twiter Linkedin
seguro saúde internacional

O seguro saúde internacional é um dos pontos fundamentais ao se contratar um intercâmbio. Como estrangeiro, o intercambista não tem direito ao sistema de saúde do país de destino e, muitas vezes, as taxas para uso do sistema de saúde são bastante altas. Dessa maneira, para evitar possíveis imprevistos, o seguro saúde internacional é uma das melhores maneiras que o intercambista tem para se resguardar durante seu período de intercâmbio. 

seguro saúde para viagens

O que é o seguro saúde internacional?

O seguro saúde internacional nada mais é do que uma apólice de seguro que vai reembolsar o usuário pelas despesas médicas que possam ocorrer durante a viagem. Assim, caso seja necessário um atendimento médico, hospital, exames laboratoriais e diversos outros tratamentos e serviços de assistência médica podem ser cobertos por meio do seguro saúde internacional. 

Diferente dos planos de saúde tradicionais - os quais são válidos somente dentro do Brasil, os planos de seguro saúde internacional dão a possibilidade de se consultar em qualquer profissional ou estabelecimento de saúde no exterior, desde que ele esteja na área de cobertura do seu plano e que seja uma emergência médica. 

É necessário um seguro saúde internacional para o meu intercâmbio?

Se você vai fazer um intercâmbio, independente da duração, é recomendável - e muitas vezes obrigatório, fazer um seguro saúde internacional. Como já foi mencionado, estrangeiros não têm direito a atendimento gratuito em serviços de saúde do exterior. Em alguns países não existe nem mesmo um atendimento gratuito (como o SUS) para os próprios cidadãos. Por isso, para se manter precavido contra qualquer eventualidade, é necessário fazer um seguro saúde internacional para o seu intercâmbio. 

Dessa forma, um seguro saúde internacional não é somente uma economia, mas sim uma maneira de garantir um atendimento médico com qualidade e segurança.

Quais detalhes devo prestar atenção ao escolher um seguro saúde internacional?

Para estudantes que possuem doenças pré existentes ou precisam dar continuidade a algum tipo de tratamento recomenda-se a busca de um seguro bem completo. E a sua compra só deve ser finalizada após uma análise detalhada da apólice.

O valor da apólice é uma das principais exigências que você deve se atentar enquanto estiver contratando um seguro viagem internacional, uma vez que alguns países exigem uma cobertura mínima de valor para o seguro ser aceito ou não.

médico segurando um estetoscópio seguro saúde internacional

Qual seguro saúde internacional escolher?

A escolha do seguro vai depender do destino do intercambista, já que as condições gerais e exigências variam de acordo com o país ou região. Por isso, é muito importante estar ciente das especificações de cada um. Isso evitará que o estudante adquira um seguro errado ou com uma cobertura menor que a exigida.

Muitas escolas facilitam a vida do estudante e já oferecem o seguro internacional. Da mesma forma, o seguro saúde internacional pode ser adquirido diretamente com a agência de intercâmbio, seguradoras, bancos ou operadoras de cartão de crédito.

Países que exigem seguro saúde internacional

Irlanda

A Irlanda é um dos destinos mais procurados hoje pelos intercambistas. Se você vai viajar para a Ilha Esmeralda, saiba que o seguro governamental é obrigatório para todos os estudantes que ficarão por lá por mais de 90 dias. Este seguro dá direito aos estudantes receberem atendimento público de saúde na Irlanda. O seguro governamental na Irlanda é direcionado aos casos de emergências. Consultas rotineiras e exames são pagos à parte pelo estudante. O país está fora do Tratado de Schengen por isso o governo irlandês estabeleceu que o intercambista deve adquirir o seguro governamental ou outro que tenha o valor mínimo de cobertura de 25.000€.

Reino Unido

Os países do Reino Unido (Inglaterra, País de Gales, Escócia e Irlanda do Norte), assim como a Irlanda, não fazem parte do Tratado de Schengen. Mas, diferente do governo irlandês, não há um valor mínimo de cobertura para o seguro de saúde. Uma vez que os países do Reino Unido utilizam a moeda mais valorizada do mundo, imaginem como uma simples ida ao hospital deve custar. Assim recomendamos um seguro com a cobertura mínima de 30.000 £.

União Europeia

Para os estudantes que têm como destino países membros da União Europeia e que fazem parte do Tratado de Schengen, é necessário um seguro viagem com cobertura mínima de 30.000€. Ele deve cobrir auxílio médico em caso de doença ou acidente durante a viagem.

Austrália

Quem pretende fazer intercâmbio na terra dos cangurus deve se preparar para adquirir o Overseas Student Health Cover (OSHC). Este seguro pode ser contratado via escola através da agência de intercâmbio. O OSHC tem como cobertura atendimentos de emergência, consultas e uso de ambulâncias.

América do Norte (EUA e Canadá), África do Sul e Nova Zelândia

Não há um seguro internacional específico para os países como Estados Unidos, Canadá, África do Sul e Nova Zelândia. Mas, vale lembrar que o sistema público de saúde desses destinos é voltado apenas para os seus cidadãos. Por isso, é bom e recomendável que os intercambistas adquiram um seguro de saúde que cubra ao mínimo atendimentos emergências como serviços hospitalares.

seguro-saude-internacional-exame

Por que contratar um seguro saúde internacional para o meu intercâmbio?

Você deve contratar seu seguro saúde internacional para fazer intercâmbio, principalmente, por ser um requisito básico e obrigatório de entrada em diversos países, especialmente aqueles da União Europeia. Dessa forma, sem um seguro saúde internacional válido, você poderá ser impedido de entrar país para fazer seu intercâmbio. 

Entretanto, se você vai fazer seu intercâmbio para um país no qual não é necessário seguro saúde, é importante contratá-lo por conta própria. Isso se deve ao fato de um seguro saúde internacional ser uma maneira de se resguardar dos possíveis imprevistos que possam ocorrer durante sua viagem.

Em muitos países, especialmente na Austrália e nos Estados Unidos, pagar por emergências médicas pode custar muito caro. É por isso que um seguro saúde internacional pode fazer a diferença no seu intercâmbio. Além de você economizar em possíveis emergências médicas, você poderá ter um atendimento de qualidade.

Como contratar um seguro saúde internacional para meu intercâmbio?

Essa é a parte mais fácil! É só entrar em contato com a equipe da Optima Intercâmbio! Nós temos um time especializado que, além de ajudar você a preparar seu intercâmbio da maneira mais segura, também vai te ajudar a escolher o seguro correto para o seu destino! Dessa forma, você vai viajar totalmente preparado para o seu intercâmbio e sem o risco de enfrentar imprevistos! Assim, você vai poder viajar tranquilamente! 

A Optima Intercâmbio quer que você tenha um programa de intercâmbio cultural de sucesso e que a sua experiência em outro país seja a mais tranquila possível. Para entrar em contato conosco, clique aqui!

Saúde
Compartilhe: Facebook Whatsapp Twiter Linkedin
Gostou deste artigo?
Notificação

Assine nossas notificações para se manter atualizado sobre nossas promoções!

2020 © Optima Ltda. CNPJ 12.350.272/0001-09. Empresa brasileira

Políticas de uso

e

Termos de Privacidade
Voltar ao topo