Qual é a língua oficial do Canadá? O inglês ou francês?

7 min de leitura
Compartilhe: Facebook Whatsapp Twiter Linkedin

Que o Canadá é um país com incríveis peculiaridades isso ninguém pode negar! Mas você sabia que ele é considerado um país bilíngue? Isso mesmo: a língua oficial do Canadá é tanto o inglês como o francês. Se você não sabe o porque desses idiomas do Canadá serem considerados línguas oficiais, nós vamos te contar tudo!

Língua oficial do Canadá: tudo a ver com a colonização

No Brasil, nosso idioma oficial é o português, já que o país foi colonizado politicamente e socialmente por Portugal. Assim acontece com inúmeros outros países e seus respectivos colonizadores. Veja outro exemplo: a Austrália é uma região que, antes de sua colonização, era composta de várias tribos aborígenes. Com a chegada de colonos britânicos no território, esses aborígenes foram dominados e o governo britânico instituiu que a língua oficial a ser falada na região seria o inglês.

A colonização francesa e britânica

A partir do século XV e XVI, navegadores franceses começaram a fazer incursões e explorações do território canadense em nome do Império Francês. Nesse período, os primeiros assentamentos franceses foram estabelecidos em Quebec e Port Royal - que hoje se chama Annapolis Royal. Inicialmente, os franceses permaneceram na costa leste do território canadense, constituindo as províncias de Nova França (Nouvelle-France) e Acádia.

Por sua vez, o Império Britânico também foi explorar o território do atual Canadá na mesma época. Entretanto, os colonos britânicos acabaram se estabelecendo ao longo da imensa região conhecida como Terra de Rupert, no centro e na costa oeste do país. Mais tarde, essas regiões viriam a ser as províncias de Manitoba, Alberta, Territórios do Noroeste e Saskatchewan.

A expansão das colônias francesas

Assim, as províncias francesas da América do Norte começaram a se expandir tanto nos Estados Unidos (que ainda então não estava formado) como no Canadá. Essa expansão não foi nada bem vista pelos britânicos que estavam alocados nas regiões de Terra de Rupert como das Treze Colônias (que viriam a ser os EUA).

Com isso, uma série de batalhas se seguiram com o intuito de impedir o domínio francês na América do Norte no século XVII e XVIII. Com o intuito de selar a paz, o Tratado de Paris de 1763 colocou fim às várias guerras travadas pelos grandes impérios europeus da época, especialmente a Guerra dos Sete Anos.

Quebec Act

Esse Tratado propôs a troca de vários territórios coloniais entre esses impérios. Com isso, os franceses que estavam em regiões onde a Inglaterra agora possuía domínio faziam questão de manter suas tradições e identidade cultural. Isso era uma natural resistência ao domínio britânico em uma cultura já estabelecida.

Por causa das crescentes revoluções nas Treze Colônias contra o Império, os britânicos ficaram preocupados que isso se estendesse aos povos de origens francesas no Canadá. Por isso, publicou o Quebec Act que, além de definir os limites das províncias, também definiu a liberdade religiosa e de idioma. Com isso, foi permitido que o catolicismo e o francês fossem difundidos nessas regiões.

Quebec, no Canadá, é uma das cidades com mais falantes de francês no país. As características da colonização francesa podem ser encontradas facilmente na arquitetura da cidade

Confederação Canadense e o reconhecimento da língua oficial do Canadá

Uma rebelião de colonos em 1837 fez com que, de fato, o império britânico tentasse assimilar a cultura francesa à britânica. Isso acabou fracassando e algumas províncias acabaram se tornando politicamente independentes do Reino Unido. Lentamente, outras colônias britânicas do território do Canadá acabaram se associando à Confederação Canadense a partir de 1867.

A Constituição estabelecida pela Confederação reconhecia como língua oficial do Canadá as línguas inglesa e francesa. Assim, era permitido utilizar qualquer um desses dois idiomas oficiais em órgãos de governo, como o Parlamento.

A partir de 1969, um decreto institucional definiu que as línguas oficiais do Canadá - o inglês e o francês - deveriam ser utilizados em documentos oficiais. Isso garantiu o mesmo status para os dois idiomas do Canadá.

Hoje em dia

No Canadá essas duas línguas convivem muito bem no dia-a-dia da população. Entretanto, o inglês é predominante em grande parte da população quando analisamos o idioma do Canadá e a língua materna. O senso de 2016 identificou que 56% dos habitantes do Canadá tem como língua mãe o inglês. Enquanto isso, o francês é a língua mãe de 20,6% de quem mora no Canadá.

Assim, a Província de Quebec (onde ficam Quebec e Montreal) e de New Brunswick são as que mais possuem falantes do francês. Com 77,1% e 31,4% de falantes nativos do francês, respectivamente.

Boa parte do restante do país fala inglês como língua materna. As províncias de British Columbia e Ontário, onde se localizam Vancouver e Toronto, respectivamente, são as regiões onde mais há habitantes em que o inglês é o idioma materno. Da mesma forma, essas são as regiões mais populosas do Canadá.

Há, ainda, uma região canadense que é conhecida como “Cinturão Bilíngue”, a qual possui inúmeros habitantes que utilizam as duas línguas oficiais do Canadá no dia-a-dia. O “cinturão bilíngue” abrange cidades como Montreal, Ottawa e Quebec têm grandes taxas de bilinguismo. Apenas 14% dos canadenses com conhecimento dos dois idiomas vivem fora das províncias de Quebec, Ontário e New Brunswick.

Toronto é uma das cidades canadenses que têm a língua inglesa como oficial

Vantagens do bilinguismo

A grande vantagem de se fazer um intercâmbio no Canadá é aproveitar que há mais de uma língua oficial no país. Assim, você poderá estudar uma dessas duas línguas ou as duas ao mesmo tempo.

Se você quer estudar francês, mas não quer investir em um intercâmbio na França, pode aproveitar as baixas taxas de câmbio do dólar canadense e os custos de vida mais baixo da região de Montreal e Quebec.

Ao mesmo tempo, estudar inglês no Canadá também pode ser atrativo pelo mesmo motivo. Investir em um intercâmbio nos Estados Unidos ou na Inglaterra podem ser uma alternativa mais cara quando observamos a cotação do dólar americano e da Libra. E fazer um intercâmbio na Austrália pode ter altos preços nas passagens aéreas. Além disso, as cidades de Vancouver e Toronto se destacam quando observamos suas qualidades de vida.

Independente do idioma escolhido, você pode fazer um intercâmbio no Canadá com a Optima Intercâmbio! Nós temos os melhores pacotes de estudos de idioma para o país e você poderá estudar tanto o francês como o inglês - as línguas oficiais do Canadá. O país é um lugar incrível, muito multicultural e que acolhe muito bem os estudantes de todas as nacionalidades. Clique aqui e peça para um dos nossos consultores entrar em contato com você para ajudá-lo a realizar esse sonho!

Toronto Vancouver Montreal Quebec
Compartilhe: Facebook Whatsapp Twiter Linkedin
Gostou deste artigo?
Notificação

Assine nossas notificações para se manter atualizado sobre nossas promoções!

2020 © Optima Ltda. CNPJ 12.350.272/0001-09. Empresa brasileira

Políticas de uso

e

Termos de Privacidade
Voltar ao topo